Tecnologia do Blogger.

24 março 2016

Lava Jato teme que delação una partidos contra avanço da operação


Todos os santos A planilha apreendida na Odebrecht com políticos de todos os matizes foi tratada como o “começo do fim” por pessoas ligadas à Lava Jato.
A operação, segundo os seus próprios generais, chega a uma bifurcação perigosa. Teme-se a união de todos os atingidos para dar um basta à apuração ou a “união dos inimigos” para sacrificar Dilma Rousseff e, com isso, entregar a cabeça para preservar o resto do corpo. Investigadores anteveem forte ataque especulativo sobre eles a partir de agora.

Vai pensando Próxima de Dilma, a ministra Kátia Abreu contradiz a tese de que o impeachment frearia a operação. “Ninguém põe esse leão para dentro da jaula de novo. Não há hipótese”.
Tudo e todos O Ministério Público se espantou com o “padrão democrático” da Odebrecht. A empresa atuou “tecnicamente” para construir pontes com vários setores do espectro político.
Muita calma Rodrigo Janot passará alguns dias de molho. Na quarta da semana que vem, o procurador-geral da República fará uma cirurgia para tirar lesões da pele.
Leia mais Folha de São Paulo

Comments :

0 Faça seu comentário aqui to “ Lava Jato teme que delação una partidos contra avanço da operação ”

Postar um comentário

VIDEOS MAIS EXIBIDOS NO YOU TUBE

Loading...

Campanhas

Arquivo do Blog

 

Criado © 2009 Cunha.com

Cunha.com mídia e publicidade | web site cunha.com notíticias